Pesquisar

1.2. Antes de Configurar o GFS2

download PDF
Antes de você instalar e configurar o GFS2, observe as seguintes características da chave de seus sistemas de arquivo do GFS2:
Nós de GFS2
Determina quais nós no cluster irão montar os sistemas de arquivos GFS2.
Número de sistemas de arquivo
Determine quantos sistemas de arquivos do GFS2 serão criados inicialmente. (Você poderá adicionar mais sistemas de arquivos mais tarde).
Nome do Sistema de Arquivo
Determina um nome único para cada sistema de arquivo. O nome deve ser único para todos os sistemas de arquivos lock_dlm no cluster. Cada nome do sistema de arquivos é requerido na forma de uma variável de parâmetro. Por exemplo, este livro usa nomes de arquivos de sistemas mydata1 e mydata2 em alguns exemplos de procedimentos.
Diários
Determina o número de diários (journals) para seus sistemas de arquivos GFS2. Um diário é requerido para cada nó que monta o sistema de arquivo GFS2. O GFS2 permite que você adicione diários dinâmicamente mais tarde conforme servidores adicionais montam um sistema de arquivos. Para informações sobre adicionar diários a um sistema de arquivos GFS2, veja a Seção 4.7, “Adicionando Diários ao Sistema de Arquivo”.
Dispositivos de armazenamento e partições
Determine os dispositivos de armazenamento e partições a serem usadas para a criação de volumes lógicos (via CLVM) nos sistemas de arquivo.

Nota

Você poderá ter problemas de desempenho com o GFS2 quando muitas operações de criação e remoção são emitidas a partir de mais de um nó no mesmo diretório ao mesmo tempo. Se isto causar problemas de desempenho em seu sistema, você deveria localizar as criações e exclusões de arquivos por um nó à diretórios especificos daquele nó o máximo possível.
Para outras recomendações sobre a criação, uso e manutenção de um sistema de arquivo GFS2, consulte o Capítulo 2, Configuração do GFS2 e Considerações Operacionais.
Red Hat logoGithubRedditYoutubeTwitter

Aprender

Experimente, compre e venda

Comunidades

Sobre a documentação da Red Hat

Ajudamos os usuários da Red Hat a inovar e atingir seus objetivos com nossos produtos e serviços com conteúdo em que podem confiar.

Tornando o open source mais inclusivo

A Red Hat está comprometida em substituir a linguagem problemática em nosso código, documentação e propriedades da web. Para mais detalhes veja oBlog da Red Hat.

Sobre a Red Hat

Fornecemos soluções robustas que facilitam o trabalho das empresas em plataformas e ambientes, desde o data center principal até a borda da rede.

© 2024 Red Hat, Inc.